26 de janeiro de 2009

Retalho

Recolhe as moedas todas espalhadas pelo passeio e pára de desafiar os transeuntes com aquele olhar de incriminação, a rapariga dos sapatos descascados e das roupas dois números acima da sua actual medida. De súbito, rompe num pranto e pede-me cigarros (em vez das moedas que me enchem o bolso pequenos dos jeans importunando o osso cujo nome desconheço, aquele que fica na esquina da anca). A mudança de alvo terá sido provocada por uns sujeitos que se aproximam, apercebo-me quando a rapariga se enrosca nos seus trapos e, com um arrepio, lança o canto do olho para os dois impecáveis polícias que cirandam ali pela esquina com os seus asseados uniformes azuis: pensará a rapariga estarem fazendo ronda aos seus metaizinhos preciosos e em serviço a bófia pelo menos ainda não fuma, tal mancharia a limpeza da corporação, o que não quer dizer que não roube, e a rapariga essas coisas lá terá aprendido nas aulas que a rua lhe deu, treinando-a para desmascarar o perigo, use ele o disfarce que lhe aprouver, que mil formas toma o Diabo. O vagabundo que lhe faz as vezes de um parceiro insiste em soltar-lhe imprecações ininteligíveis (que a rapariga visivelmente compreende) não satisfeito por lhe ter aplicado um violento pontapé no caixote de cartão castanho onde antes jaziam as economias (comuns?) recolhidas ao longo do dia. Finalmente vai-se, numa ira tamanha, sei lá eu porquê (sabê-lo-á a rapariga dos olhos de gato, mas entre marido e mulher, já dizia o outro).

Aproximo-me dela e faço como se me fosse sentar.

"Posso?" – indago com deferência, a modos de quem pede para entrar no hall da casa.

5 comments:

SC 28 de janeiro de 2009 às 16:09  

(ilíaco!)

O regresso dos retalhos que são verdadeiros retratos sociais! Muito bons, como sempre, embora, às vezes, desconcertantes.

Custódia C.C. 29 de janeiro de 2009 às 14:41  

Passei por aqui, vinda da Triss, a propósito da dica literária.
Gostei do que li ....

SC 29 de janeiro de 2009 às 16:31  

p.s. o parênteses no meu comentário anterior não é para ti mas para o personagem. (não sei se tinha ficado claro.)

Ogait 29 de janeiro de 2009 às 16:59  

Obrigada, Custódia, volta sempre. SC, claro que estava claro, eu sabia perfeitamente, o personagem é que não... :)

Vertigo 1 de fevereiro de 2009 às 23:37  

Bem vindos de volta os retalhos :)

Nós agradecemos!

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

blogaqui?
Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!